domingo, 23 de março de 2008

PEQUIM:Momento Político - Caso TIBETE (2)

Voltamos ao assunto do Tibete, depois de colocarmos a notícia do Blog Spormarketing estamos com mais informações que chegam do mundo. Quando estamos há 136 dias do início da Olimpíada em Pequim e mesmo no momento que antecede a largda para a corrida da TOCHA OLÍMPICA. Vamos a notícia:
COI pede fim da violência no Tibete
Presidente da entidade divulga nota oficial contra o conflito
O Comitê Olímpico Internacional (COI) manifestou-se neste domingo sobre o conflito entre Tibete e China. Pouco depois de chegar à Grécia, o belga Jacques Rogge, presidente da entidade, pediu aos envolvidos no conflito que encerrem a onda de violência na região tibetana.
Há uma semana, grupos de manifestantes e representantes do governo chinês enfrentam-se na área. Os tibetanos reclamam do domínio imposto pela China e da falta de respeito aos direitos humanos.
- O COI já expressou a esperança de que este conflito seja resolvido de maneira pacífica o mais rápido possível- afirmou Rogge em comunicado oficial.
Ele está na Grécia para acompanhar a cerimônia na qual será acesa oficialmente a chama olímpica, em Olímpia Antiga. A cerimônia está programada para esta segunda-feira.
Rogge recorreu à mensagem olímpica para tentar pacificar os ânimos.
- Todo tipo de violência é contrário ao espírito e aos valores olímpicos. Acreditamos que a China irá mudar abrindo o país ao escrutínio mundial através dos 25 mil jornalistas que irão acompanhar os Jogos. Os Jogos Olímpicos são uma força para o bem - continuou o presidente do COI.
A China domina o Tibete desde 1950, quando invadiu o território militarmente. O líder espiritual da região, Dalai Lama, vive exilado na Índia desde então.
GAZETA PRESS

Um comentário:

richard disse...

Olá Clery, grande abraço.
Nos vemos em Pequim.
Richard.