segunda-feira, 4 de agosto de 2008

OLIMPIADA; ESPECIALISTAS FALAM SOBRE PROVAVÉIS ATENTADOS

CHINA CONTINUA COM ATENTADOS
É inegável, mesmo autoridades chinesas não confirmem, que a SEGURANAÇ deve ter uma grande preocupação com ATENTADOS por ocasicão da OLIMPIADA DE PEQUIM.
Embora estejamos longe de PEQUIM, mas poderíamos estar lá, tivemos o CARTÃO VERMELHO do CONSULADO CHINES no Brasil, estamos preocupados com ATENTADOS, pois durante um evento como a OLIMPIADA, que reune centenas de países, tem uma mídia extraordinária e os organizadores de atentados querem se valer disso, embora se saiba, os correspondentes e nossos amigos bloguistas de PEQUIM dizem que a POLÍCIA está em todos lugares e deve haver uma precalção quanto a isso.
Divulgamos a informação que acessamos na GAZETAESPORTIVA.NET, em Bastidores.


PATROCINIO - A cobertura de QUILISPORT tem a parceria das empresas: GRUPO COTREL, GRAFICA EDITORA PALLOTTI, REDE SUPER - SUPERMERCADO DORES e ESTAÇÃO RODOVIÁRIA e o apoio da NET .
Olimpíadas 2008/Bastidores - (04/08/2008 14:13:51)
Especialistas alertam para a possibilidade de mais atentados
Pequim (China) - De acordo com alguns especialistas em terrorismo no mundo, é possível que nos próximos dias antededentes às Olimpíadas e até mesmo durante o evento esportivo aconteçam mais atentados na China, como o ocorrido nesta segunda-feira na cidade de Kashgar, no nordeste do país, em que 16 policiais foram mortos.

Segundo o professor do Instituto para Relações Internacionais Contemporâneas Li Wei, um dos maiores especialistas em terrorismo da China, ‘em muitas regiões da China existem problemas sociais’, assim, “poderão ocorrer casos de imitação” ao que houve nesta segunda, disse Wei à agência Ansa.

O professor ressaltou, ainda, que, desde o ano 2000, os ataques terroristas realizados por grupos de muçulmanos uigures estão cada vez mais raros, depois de terem chegado ao auge nos anos 1990. Além disso, o atentado de Kashgar é um ataque "típico do terrorismo islâmico internacional".

Wei explicou que são ao todo cinco os grupos da cidade de Xinjiang, chamada pelos nacionalistas uigures de Turquistão do Leste, que podem representar um perigo nos próximos dias com ataques durante os Jogos. Os cinco grupos citados são o Movimento Islâmico do Turquistão Oriental, o Centro de Informações sobre o Turquistão do Leste, a Organização pela Libertação do Turquistão do Leste e o Uyghur Youth Congress.

O professor ressaltou a possibilidade de que essas facções podem atacar não somente na região em que vivem, mas em todo o território chinês




Nenhum comentário: