segunda-feira, 7 de junho de 2010

RESUMO E AVALIAÇÃO DA III CONFERENCIA NACIONAL DE ESPORTES DE BRASILIA

CONFERENCIA NACIONAL DE BRASILIA APROVOU
TUDO DE BOM PARA O ESPORTE E AGORA?

De 3 a 6 de junho, Brasília sediou a III CONFERENCIA NACIONAL DE ESPORTE-CNE,numa promoção do Governo Federal, através do Ministério do Esporte –ME. Teve a participação de 3.212 municípios nas etapas municipais, regionais e estaduais, participaram 220 mil brasileiros.
Na CNE estiveram em torno de 1.500 pessoas.
Os delegados municipais tiveram os custos de passagens, hospedagens e alimentação pagos pelo Governo Federal.

O Evento foi realizado no Centro de Eventos do DF e contou com a presença do Presidente Lula, no segundo dia da Conferência. Teve um atrazo, o que levou Lula pedir desculpas aos participantes.
Lula falou muito bem do Profissional de Educação Física e do Esporte. Enfocou a necessidade das Federações elaborarem seus planejamento em consonância com a programação das Confederações e COB, o mais rápido possível para sejam seus projetos contemplados ainda no orçamento de 2011. Assim como destacou que os prefeitos deste Brasil precisam tomar consciência da importância do esporte para integração social, segurança e saúde. Anunciou que o PAC para 2011 está previsto 6 mil novas instalações desportivas e a reforna de 4 mil outras já existentes, assim como mais 140 Praça da Juventude.
APROVAÇOES – Praticamente todas as propostas vindas dos municípios brasileiros, algumas até foram melhoradas e aprovadas. Quer no lado de infra-estrutura, financiamento, Valorização Profissional. Aliás se sabe que o falta para o esporte é gestão, dinheiro e instalações.
No que tange a Lei de Incentivo ao Esporte Nacional várias propostas de melhorias foram aprovadas. Sendo a principal de que a captação de recursos não ficasse somente na Empresa que realiza o seu IR Lucro Real, foi estendido às demais, inclusive caracterizando para a Pessoa Física no próprio formulário do IR.
E AGORA? É a pergunta que se faz. É necessário agora ação. Publicar o resultado da III CNE e ter o empenho do ME com força que é dito que tem com o Executivo e as palavras de Lula na III CNE foi de apoio, sejam feitas as devidas modificações da Lei e enviada para o Congresso e junto a isso a pressão nacional com os deputados e senadores.
CONFEF E FIEP – Deve-se destacar a atuação do CONSELHO FEDERAL DE EDUCAÇÃO FÍSICA –CONFEF e seus Conselhos Regionais do Brasil e também a Federação Internacional de Educação Física que estiveram mobilizados sempre na defesa dos interesses do PROFISSIONAL DE EDUCAÇÃO FÍSICA quanto a possíveis inclusões na CNE em que viesse em prejuízo a sua atuação junto a comunidade. No entanto a luta continua, pois acompanham de perto no SENADO, o tal de projeto para a criação do MONITOR DO ESPORTE.
SANTA MARIA – Que realizou a sua Conferencia Municipal com 342 participantes, esteve com 28 pessoas na Conferencia Estadual em Canoas e designou dois delegados para a etapa final em Brasília Clery Quinhones de Lima(Prefeteitura Municipal/SMJELIC e CAEL-SM) e Andréia Cuti (Programa Esporte e Lazer na Cidade-PELC, convênio Governo Federal e Município); Otávio Dorneles, Presidente da Confederação Brasileira de Orientação e Matheus Saldanha, do CEFD-UFSM, integrante da equipe de sistematização da CNE pelo ME.
BLOG - SAUDE PELA PRÁTICA realizou a cobertura da III CNE de Brasília. Em alguns momentos em tempo real, pois teve condições para isso. Eram vários computadores com internet disponível aos delegados, inclusive dentro do próprio salão.

Nenhum comentário: