sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

BLOG DO CRUZ, DE BRASILIA DÁ CONTA QUE O MINISTRO ORLANDO DO ESPORTE ESTÁ FORA DO GOVERNO DILMA

BLOG ESPECIALIZADO INFORMA
Valemo-nos da informação veiculada no Blog do amigo, jornalista de Brasília


Orlando Silva já se despediu dos funcionários

Foi num ambiente de pouca alegria que o Ministério do Esporte fez a festa de fim de ano, ontem, tendo à frente o ministro Orlando Silva despedindo-se de seus assessores.
Àquela altura ele já havia sido comunicado pela cúpula do PCdoB que a presidente eleita, Dilma Rousseff, tinha anunciado que o queria fora da cadeira ministerial.
Mais: Dilma disse aos parlamentares do PCdoB que deixará para depois da posse a decisão sobre a Autoridade Pública Olímpica – consórcio formado por representes dos governos federal, estadual e municipal do Rio para gerenciar os Jogos de 2016.
Ou seja, Orlando deverá ficar sem espaço no futuro governo. Uma fonte que circulou pelos bastidores do governo contou que o ministro cavou a própria sepultura. Quando ia ao Palácio do Planalto, por exemplo, passava direto pelo gabinete da chefe da Casa Civil, Dilma, e ia despachar com o Presidente Lula. As denúncias de irregularidades no Segundo Tempo também minaram a gestão, sem que o Orlando Silva tivesse tomado providências claras de combate à corrupção.
A partir de novembro, Orlando passou a enfrentar a oposição de Agnelo Queiroz. Eleito governador do Distrito Federal, ele decidiu colocar seu partido, o PT, na disputa pelo cargo de Autoridade Pública Olímpica, para a qual Orlando era cotado.
Apesar de tentarem manter as aparências, Agnelo quer ver Orlando longe da Esplanada.
Quando assumiu o ministério do Esporte, Orlando detonou todos os funcionários de confiança do ex-ministro, abrindo espaço para os antigos companheiros da União Nacional dos Estudantes (UNE).
Bueno, aí está o panorama da sucessão, até agora. Mas, como dizia Ulysses Guimarães: “Em política até o impossível é possível”.

Nenhum comentário: