domingo, 5 de junho de 2011

PREPARAÇÃO DO HANDEBOL MASCULINO BRASILEIRO PARA O PANAMERICANO

BRASILEIROS VENCEM INGLESES

NO PRIMEIRO AMISTOSO EM SP
Brasil tanto no masculino e feminino, quer ganhar o Panamericano para que não dependa de mais outra competição para estar em 2012 em Londres, para isso a preocupação do presidente Manoel Luiz e sua Comissão Técnica é realizar treinamentos fortes até o mês de outubro, quando da realização dos jogos em Guadalajara.

Os treinamentos estão acontecendo em São Paulo, em São Caetano.

Recebemos a boa informação através do release da Photeografia, Assessoria de Imprensa da CBHB, da vitória do Brasil na estréia de uma série de 3 jogos com os ingleses.

Eis a nota.
Seleção Brasileira de Handebol vence primeiro amistoso contra Grã-Bretanha

Equipe masculina venceu por 32 a 25 no jogo realizado em São Caetano


SÃO CAETANO / SP - A Seleção Olímpica Masculina de Handebol estreou com pé direito na série de três amistosos contra a Grã-Bretanha no ABC Paulista. O primeiro confronto, realizado hoje (5), no Ginásio Marlene José Bento, em São Caetano (SP), teve vitória brasileira por 32 a 25 (16 a 11). As outras duas partidas estão marcadas para a próxima terça-feira (7), em São Bernardo, e quinta-feira (9), em Santo André.

Com jogadas rápidas, imprimindo velocidade desde o início do jogo, o Brasil foi superior em quadra e esteve à frente do placar durante a maior parte do tempo. Para o técnico da Seleção, Javier Garcia Cuesta, a equipe mostrou entrosamento e conseguiu organizar bem as jogadas de ataque. "Conseguimos explorar as duas alas e isso fez com que a defesa da Grã-Bretanha ficasse dispersa, permitindo que conseguíssemos encaixar bons ataques", disse o treinador espanhol.

Javier destacou, no entanto, que dois pontos precisam ser corrigidos para os amistosos seguintes. "Foi um jogo bastante proveitoso, pudemos nos testar e conhecer melhor os adversários, que são fortes e sabem atacar muito bem. Quero aproveitar os treinamentos que faremos até terça para acertar alguns detalhes no setor defensivo e também melhorar as finalizações", completou.

Mesmo sendo artilheiro do Brasil, com sete gols, o ponta Felipe Borges se cobra para o próximo amistoso. "Fico feliz por ter ajudado a construir o placar a nosso favor. Mas ainda preciso melhorar bastante e aproveitar mais as opotunidades quando eu tiver a bola nas mãos".

Borges também destacou que o confronto permitiu ao time brasileiro aprender com a Grã-Bretanha, seleção nova, ainda pouco conhecida. "É um estilo diferente e intenso. Eles caem bastante para ala esquerda e arriscam muito de fora da area. É bom para ficarmos atentos". O ponta-esquerda da Grã-Bretanha, inclusive, foi o artilheiro da partida, com nove gols marcados.

O goleiro Maik ressaltou que a vitória dará mais confiança para a continuidade do trabalho, mas que não pode servir para que o grupo se acomode. "Ter pensamento positivo é essencial, sempre. Mas precisamos manter os pés no chão e continuar treinando forte porque foi apenas um amistoso", alertou.

Os desafios contra a Grã-Bretanha fazem parte da preparação do Brasil para a disputa dos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara, no México, em outubro. Para o presidente da Confederação Brasilera de Handebol (CBHb), Manoel Luiz Oliveira, testes como esse serão bons para a equipe brasileira melhorar ainda mais o entrosamento e mostrar a força que o país tem na modalidade. "O objetivo dos times masculino e feminino é trazer o ouro do México, conquistar a vaga para as Olimpíadas e reafirmar que nosso handebol está evoluindo cada vez mais", concluiu Manoel Luiz Oliveira

Nenhum comentário: