terça-feira, 18 de outubro de 2011

PAN 2011 QUARTO DIA DE JOGOS EM GUADAJAJARA

BRASIL CONTINUA EM SEGUNDO
NO QUADRO GERAL DO PAN
Mantendo a posição de segundo lugar, no quadro geral de medalhas desde o segundo dia, o Brasil faz até agora, um grande PAN. Estados Unidos mantém-se no topo, o Brasil está com 9 ouro, 5 prata e 7 bronze, total de 21 medalhas, seguido pelo MEXICO que está com 19 medalhas, mas 6 de ouro.



Hoje aconteceu uma burrada da COMISSÃO ORGANIZADORA DA NATAÇÃO, quando o brasileiro LEONARDO DE DEUS ganhou o OURO, nos 200 metros nado borboleta e foi desclassificado por ter usado uma touca que trazia a inscrição do MUNDIAL DE NATAÇÃO. Isso ocasionou protesto viemente da COMISSÃO DE NATAÇÃO DO BRASIL e acabou exitosa.
Pois a MEDALHA DE OURO voltou para o brasileiro.
Hoje, terceiro dia, a GINASTICA RÍTMICA manteve-se no pódio ganhou OURO no aparelho conjunto bola e mais duas medalhas de bronze com a Kvieczwski; HUGO HOYAMA, fez a sua décima medalha de ouro por equipe, com demais colegas: na natação o ouro de LEONARDO DE DEUS e a bronze também na mesma prova de 200 borboleta, com CAYO MARCIO. Nosso TIAGO PEREIRA fatura mais ouros e desta vez foi nos 100 metros BORBOLETA e 100 metros COSTAS e Guilherme Guido foi BRONZE.


VOLEIBOL FEMININO


Brasil bate Cuba e vai à semifinal
do Pan na primeira colocação
Boa campanha faz seleção de José Roberto Guimarães ganhar um dia de folga


Até agora, o ano é do Brasil. Pela terceira vez na temporada, a seleção brasileira feminina de vôlei bateu Cuba. Nesta segunda-feira (17), o time campeão olímpico derrotou as históricas rivais por 3 sets a 1, parciais de 25-23, 21-25, 25-22 e 25-18 em partida válida pelos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara.

O bom resultado vale a primeira colocação do grupo A para o Brasil e a classificação direta para a semifinal. Como o Pan prevê uma disputa de quartas-de-final em um cruzamento entre o segundo e o terceiro colocado das chaves, o time nacional ganha uma folga antes de saber quem encara na semifinal de quarta-feira (18).

De olho no título que não vem desde 1999, o Brasil começou a partida melhor que Cuba, com bons ataques de Paula Pequeno. Entretanto, as caribenhas não deixavam o time de José Roberto Guimarães escapar no placar com um saque venenoso. Muito disputado, o primeiro set foi fechado em 25-23 após uma linda recepção de Paula, que deu um peixinho e entregou a bola na mão de Dani Lins. O levantamento foi cravado por Mari na quadra adversária.

A recepção continuou sendo um problema para a seleção no segundo set e, quando Cuba começou a gostar do jogo, Zé Roberto colocou Fernanda Garay no lugar de Mari e Juciely no posto de Fabiana. O time melhorou um pouco, mas não conseguiu evitar a derrota na etapa, sacramentada com um bloqueio de Yusidey Silie sobre Paula.

A derrota fez Zé Roberto colocar Fabiana e Mari de volta ao time no terceiro set, que mais uma vez foi marcado pela igualdade entre as seleções. As falhas na defesa renderam algumas broncas às jogadoras brasileiras, mas dois erros de Cuba no fim da etapa sacramentaram o placar em 25 a 22.

Precisando da vitória, Cuba veio com tudo para cima do Brasil na quarta parcial, mas, com um bom bloqueio, o Brasil passou à frente das adversárias após o primeiro tempo técnico. O técnico Juan Carlos Gala fez tudo o que pôde para evitar a derrota, mas não pode impedir a queda de sua equipe pela primeira vez no México.

A Rede Record transmite os Jogos Pan-Americanos de Guadalajara com exclusividade para a televisão aberta, ao lado da Record News. O R7 tem transmissões ao vivo das competições e uma cobertura completa dos eventos.

A emissora também mostrará a Olimpíada de Londres 2012 com exclusividade na TV aberta brasileira, e também pela internet. A Record detém ainda os direitos de transmissão dos Jogos Pan-Americanos de Toronto 2015 e da Olimpíada do Rio de Janeiro 2016.

Nenhum comentário: