sábado, 3 de dezembro de 2011

MUNDIAL DE HANDEBOL FEMININO EM SÃO PAULO

Brasil estreia com vitória
no Mundial Feminino de Handebol
Em casa, equipe brasileira derrota Cuba por 37 a 21

São Paulo (SP) - A Seleção Brasileira de Handebol estreou com vitória no Mundial Feminino, nesta sexta-feira (2), no Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo. A equipe comandada pelo dinamarquês Morten Soubak venceu Cuba por 37 a 21 (17 a 11 no intervalo). As duas equipes estão no Grupo C da competição, sediado em São Paulo. Completam a chave França, Romênia, Tunísia e Japão.

A estratégia armada pelo treinador Morten Soubak de fortalecer a defesa e contra-atacar com velocidade funcionou. Foi em um contra-ataque que a ponta-direita Alexandra abriu o placar para o Brasil, logo no primeiro minuto de jogo. Apoiada pela torcida, a equipe brasileira não diminuiu o ritmo e encerrou o primeiro tempo vencendo por 17 a 11. A etapa final foi praticamente igual à primeira: Brasil forte nos contra-ataques e na marcação.. Cuba não conseguiu passar pelo bloqueio armado pelo time da casa e viu a Seleção Brasileira vencer por 37 a 21.

"Nossa defesa se comportou bem e tivemos bom aproveitamento nos contra-ataques, mas a gente podia ter tido um melhor desempenho nos lançamentos. Mas foi uma boa estreia", disse o técnico Morten Soubak.

O destaque foi a armadora-esquerda do Brasil Eduarda Amorim, Duda, escolhida a melhor jogadora da partida. Para ela, atuar em casa foi um fator importante na vitória brasileira. "Foi legal ter a torcida nos apoiando e nós sentimos isso. Apareceu até mais gente do que a gente esperava e a gente torce para ter mais pessoas nos próximos jogos", afirmou.

As duas equipes voltam a entrar em quadra na segunda-feira (5). Às 15h, Cuba enfrenta o Japão e, às 19h45, é a vez de o Brasil jogar contra a França. Dois jogos encerram amanhã (3) a primeira rodada do Grupo C: Romênia x Tunísia, às 15h, e França x Japão, às 17h15.

BRASIL: Chana Masson (goleira), Barbara Arenhart (goleira), Fabiana Diniz, a Dara (3), Alexandra (7), Samira (4), Dani Piedade (3), Fernanda (8), Ana Paula (2), Jéssica (1), Silvia (1), Eduarda Amorim, a Duda (3), Francine (2), Mayara (1), Deonise (2), Alessandra (0).
Técnico: Morten Soubak

CUBA: Rivero (goleira), Miranda (goleira), Llovera (goleira), Valdez (0), Duanis (0), Zulueta (1), Hernandez (6), Lusson Miranda (2), Machado (1), Abreus (1), Zamora (0), Milan (9), Matos (1)
Técnico: Lorenzo Verdecia

Nenhum comentário: