quarta-feira, 20 de julho de 2011

POR DENTRO E POR FORA

SAÚDE PARA VIVER

Na foto, Clery na esteira, acompanhado pelo Dr. Fábio Brauner, do ICARDIO


Amigos, todos nós, indistintamente, queremos viver. Para viver tem muitas regras. A primeira é gostar de si e se a gente se gosta tem que se cuidar. No entanto, hoje neste corre-corre desenfreiado, muitas vêzes, esquecemos da nossa saúde. Ela passa pela prevenção. Evidente para isso temos que ir ao médico e estar dispostos a fazer o que ele diz.
Nós, particularmente, que somos da área, usamos os Meios de Comunicação para dizer da importância da prática da atividade física/esporte para a obtenção de qualidade de vida.
E neste sentido, chegou a nossa vez, pois embora fazendo atividade física moderada, estávamos sentido uma dorzinha no abdomen, quando apressávamos os passos, ao subir escadas. Então consultamos com o nosso amigo, colega, Dr. Enio Frasson. Nos seus procedimentos, verificando a nossa pressão acusou um pouco alta, nos deu uma bateria de exames, que na mesma manhã - estávamos em jejum - fizemos todos. No outro dia, ontem, fomos ao Dr. Moacir Alves Filho do ICARDIO, que avaliou o nosso eletrocardiograma e os nossos exames de sangue e urina, detectou realmente a pressão um pouco alta e os demais bons. Mandou-nos fazer esteira. E hoje, quarta-feira, dia 20, fizemos. Fomos acompanhado pelo Dr. Fábio Brauner. Fomos até o quarto estágio e sentimos a tal de dorzinha.
Como estou em viagem à Livramento, deixamos para depois o retorno ao Dr. Moacir.
Evidente que irei me cuidar mais,principalmente no controle alimentar, que tem sido hoje o básico para prevenir doenças. Todo mundo sabe disso, só que tem que fazer este controle. Não é Liany, minha filha, que cursa NUTRIÇÃO e não é Cleryston, meu filho, também professor de Educão Física, que faz avaliação física, do Método Gallo, vamos então a partir de agora nos monitorarmos.
( Paciente Clery Quinhones de Lima)

NOTA DO EDITOR
Nós que pregamos qualidade de vida, através da atividade física/esporte, aconselhamos ao paciente que descreveu a sua consulta a médicos especialistas de que seja coerente com ele mesmo e que a partir de agora haja efetivamente o cuidado necessário para melhorar a sua pressão.
E que sirva de exemplo a pessoas que estiverem lendo esta COLUNA para uma conscientização da importância da prevenção, dos cuidados necessários para obtermos saúde, para que possamos produzir e conviver por muito tempo com os nossos amigos e familiares.