quarta-feira, 22 de agosto de 2012



Atletas e empresários celebram 

o esporte na premiação da Lei de Incentivo 

  Matéria veiculada no Ministério do Esporte que recebemos, enviada pelo colega PUGA, da CEV-LEIS


Noite de celebração para o esporte. Atletas e empresários se reuniram nesta segunda-feira (20.08) na sede do Clube Pinheiros, em São Paulo, para parabenizar as empresas que acreditam no poder transformador do esporte brasileiro e que investiram no setor em 2011, por meio da Lei de Incentivo. O ex-atleta Flávio Canto, mestre de cerimônia da noite, lembrou na abertura do evento que ninguém consegue um resultado olímpico sozinho. “É um dia de celebração de quem constrói a ponte entre o sonho olímpico e de quem viabiliza esse sonho”, ressaltou.

Na terceira edição do Prêmio Empresário Amigo do Esporte, a primeira mulher brasileira a subir no degrau mais alto do pódio olímpico no judô, Sarah Menezes, dividiu com Flávio Canto a apresentação da festa promovida pelo Ministério do Esporte.

Mas não foram apenas os empresários que receberam reconhecimento. O ministro do Esporte, Aldo Rebelo, e o diretor de Incentivo e Fomento do Ministério do Esporte, Ricardo Cappelli, homenagearam três organizações que têm desempenhado um papel de destaque na utilização da lei: Lide Esporte, movimento LiveWright e Atletas pela Cidadania.

Medalhista de prata nos Jogos de Londres, o nadador Thiago Pereira destacou a oportunidade de ter um contato direto com os empresários. “Também é bom para os empresários estar perto dos atletas, para ver que eles fizeram parte das conquistas olímpicas do esporte brasileiro com os investimentos realizados. É bom que eles vivenciem de perto para que invistam cada vez mais e consigamos nos próximos eventos ter mais medalhistas olímpicos”. O nadador, que disputará provas no próximo fim de semana, revelou que saiu correndo do treinamento para participar da premiação.

Reflexão
Já o velejador Robert Scheidt, que conquistou a quinta medalha olímpica de sua carreira, lembrou que toda forma de incentivo aos atletas é importante. “É muito importante esse evento pós-Olimpíada, em que os atletas agora irão fazer uma reflexão sobre o próximo ciclo olímpico e agradecer às empresas que tanto apoiaram o esporte nos últimos anos”, disse.

Scheidt acrescentou que é fundamental a aproximação entre todos que integram a cadeia produtiva do esporte. “É importante a aproximação de todas as pessoas envolvidas, sejam atletas, dirigentes, pessoas ligadas às empresas. Com a troca de conhecimento, a gente vai melhorar o esporte brasileiro.”

Nenhum comentário: