sábado, 9 de novembro de 2013

EM BELÉM JOGOS ESCOLARES REGISTRAM OS MIL DIAS PARA A RIO 2016






Jogos Escolares Belém 2013 são palco de foto histórica dos 1000 dias para Rio 2016

Número 1000 é formado por mil jovens no gramado do Mangueirão, local das provas de atletismo dos JEJs

Jogos Escolares da Juventude 15-17 Anos



Crédito: Gaspar Nóbrega/Inovafoto/COB

A edição de Belém dos Jogos Escolares da Juventude (JEJs) ficará marcada para sempre por uma imagem histórica. Nesta quinta-feira, dia 8, quando faltam exatos 1.000 dias para a Cerimônia de Abertura dos Jogos Olímpicos Rio 2016, o gramado do Mangueirão foi tomado por 1.000 jovens para uma foto que correrá o mundo.

   Enquanto os trabalhos seguem em ritmo acelerado para que tudo esteja pronto em 2016, a juventude brasileira já respira esporte Olímpico na cidade de Belém, capital do Pará, onde quase 4.000 atletas entre 15 e 17 anos, de todos os estados do país, competem em 13 disciplinas na maior edição da história dos Jogos Escolares da Juventude, aberta nesta quinta, dia 7.

   “Um evento como este é muito mais do que um excelente celeiro de futuros atletas de ponta; é um multiplicador do contato com os valores e os esportes Olímpicos. Cada um destes quatro mil atletas dissemina esse engajamento por seu universo de colegas de escola, professores, amigos e familiares. Comemorar este marco durante a competição em Belém significa tocar o Brasil inteiro com o espírito e a magia dos Jogos Olímpicos Rio 2016”, afirmou o ex-atleta Agberto Guimarães, quarto colocado nos 800m dos Jogos Olímpicos Moscou 1980 e bicampeão Pan-americano (800m e 1.500m) em Caracas 1983. Natural do Pará, ele é hoje o diretor executivo de Esportes e Integração Paralímpica dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016.
   Parte desses dos futuros talentos do esporte nacional que disputam os Jogos Escolares da Juventude integrou o grupo de 1.000 jovens que celebrou o marco de 1.000 dias para os Jogos Olímpicos Rio 2016 no gramado do Estádio do Mangueirão, formando o número 1.000.      Cerca de metade dos jovens participantes da foto era formada por competidores das provas de atletismo, iniciadas na própria sexta-feira com 562 inscritos. A outra metade foi composta por crianças e jovens beneficiados pelo Pro Paz, programa que busca disseminar a cultura de paz em comunidades carentes do Pará por meio de políticas públicas e atividades esportivas e culturais.
Também participaram da foto o ex-maratonista Vanderlei Cordeiro (bronze nos Jogos Olímpicos Atenas 2004 e ganhador da Medalha Pierre de Coubertin, a mais alta honraria do Movimento Olímpico) e a judoca Sarah Menezes (campeã Olímpica em Londres 2012), ambos embaixadores dos Jogos Escolares da Juventude.
Bicampeã dos Jogos Escolares, em 2005 e 2007, Sarah Menezes faz parte de um grupo de atletas que estreou em Jogos Olímpicos menos de 1.000 dias depois de disputar a competição escolar. A iniciação Olímpica da judoca foi em Pequim 2008, mas em Londres 2012 outros quatro atletas disputaram os Jogos Escolares menos de 1.000 dias antes de competir na capital britânica – Geisa Arcanjo (finalista do arremesso de peso em Londres), Aldemir Gomes (semifinalista dos 200m), Jonathan Henrique Silva (26º no salto triplo) e Tamiris de Liz (reserva do 4x100m com 16 anos).
"Comecei na escola, aos nove anos e, com o tempo de treinamento, fui participando de competições, conquistando resultados até ser reconhecida. Acho que muitos atletas dos Jogos Escolares podem chegar à seleção brasileira, apesar da pouca idade. Eles devem confiar no seu talento porque tudo é possível na vida da gente. Basta acreditar, treinar e se dedicar que a gente chega lá”, afirmou Sarah.
    Empolgados com a chance de participar deste momento histórico, os futuros talentos do esporte já vislumbram objetivos maiores em suas carreiras. Vitor Hugo Mourão dos Santos, 17 anos, campeão dos Jogos Escolares em 2010 e vice-campeão mundial de menores em 2013 é um deles. “Os Jogos Escolares da Juventude são muito importantes porque tudo começa na escola. Para 2016, ainda vou estar um pouco novo, mas quero disputar para ganhar experiência. Vejo o trabalho com meu técnico dando certo e vou estar bem para me classificar para os Jogos”, afirmou o jovem.
Julio César de Oliveira, 17 anos, campeão dos Jogos Escolares em 2012 vê a competição como o trampolim para chegar aos Jogos Olímpicos. “É por causa dos Jogos Escolares que muitas crianças começam a desenvolver sua vontade de treinar e de competir. Eu agora tenho vontade estar nos Jogos Olímpicos do Rio e contar com muitos amigos e familiares torcendo por mim e me vendo competir de perto, vislumbra o atleta, que foi medalhista no Festival Olímpico da Juventude da Austrália em 2013 (prata nos revezamentos 4x100 e medley e bronze nos 400m com barreiras).
tag( DO SITE DO TIME BRASIL)

NOSSO BLOG DIVULGANDO O ESPORTE, SAUDE E LAZER

CAMINHADA DA EFICAZ ACADEMIA
NÃO SAI AO MORRO DAS ANTENAS
Previsto para este domingo, com partida às 14h da frente da EFICAZ ACADEMIA a caminhada até o MORRO DAS ANTENAS. No entanto devido a chuva, o diretor CLERYSTON OLIVEIRA DE LIMA e Comissão de Percurso informam que O EVENTO acontecerá no dia 1 de dezembro. 
                                   Foto do Blog da EFICAZ ACADEMIA


NOSSO BLOG EM PARCERIA COM O SITE OLIMPICO DO CAEL-SM

SÁBADO, 9 DE NOVEMBRO DE 2013


NOSSO SITE OLIMPICO REGISTRA MIL DIAS PARA RIO 2016

Palavra Olímpica:
MIL DIAS PARA A OLIMPIADA RIO 2016
 Clery Quinhones de Lima
Hoje dia 9 de novembro de 2013 estamos a 1000 DIAS dos Jogos Olímpicos RIO 2016.  Nosso SITE OLIMPICO comemora 96 dias oficialmente de cobertura da RIO 2016, pois iniciamos no dia 5 de agosto, quando marcava exatamente 3 ANOS para a realização da OLIMPIADA no RIO em 2016. Orgulhamo-nos deste feito e não é por acaso, pois QUILISPORT e com CAEL-SM desde 2005 marcam presença olímpica, levando SANTA MARIA a esse pioneirismo, pois a CIDADE vai para a cobertura da 7ª. OLIMPIADA.
Vejamos QUILISPORT iniciou em 1992, em Barcelona; 1996, em Atlanta e 2000, em Sydney (todas essas de forma ao vivo) e 2004, Atenas; 2008, Pequim e 2012, Londres (cobertura via internet e TV) e agora já na cobertura da RIO 2016 no site exclusivo: www.santamarianaolimpiada2016.com.br e no jornal SAUDE PELA PRÁTICA.
   A cobertura, 3 anos da RIO 2016, está sendo possível, graças ao planejamento elaborado por QUILISPORT/CAEL-SM, com a nossa experiência da cobertura de 6 OLIMPIADAS e a vivência na COMUNICAÇÃO ESPORTIVA a mais de 4 décadas. Junto a isso citamos o crédito que temos juntos aos Veículos de Comunicação Social: Rádios Imembuí e Universidade, jornais Saúde Pela Prática e a Cidade e os websites:www.saudepelapratica.blogspot.com,www.santamarianaolimpiada2016.com.br e www.fiepbrasil.org.br e o apoio que temos tido de empresas e entidades que dão o respaldo financeiro para a cobertura de rádios, jornais e websites.

   OPINIÃO DO COB - Certamente o nosso leitor do SITE OLIMPICO deva perguntar e daí, como está o BRASIL nesses menos de 3 anos para a OLIMPIADA.
   Para responder, estamos nos valendo de MARCUS VINICIUS, que vive o COB, ele foi entrevistado ontem e a matéria toda do site do COB foi divulgado no nosso site olimpico.
    Vale lembrar alguns tópicos de sua entrevista. MARCUS VINICIUS reforça que o  COB está no caminho traçado para buscar o TOP 10, isto é o BRASIL quer ficar entre as 10 maiores potencias olímpicas, justifica MARCUS VINICIUS, Diretor Executivo de Esportes do Comitê Olimpico Brasileiro -COB.
    O COB baseia-se em 3 ações básicas: Contratação de treinadores(brasileiros ou estrangeiros); desenvolvimento de equipes multidisciplinares e ações diretas de ciências do esporte na preparação dos atletas.
    MARCUS VINICIUS destaca que as competições SUL-AMERICANO em Santiago do Chile, em 2014; PANAMERICANO, em Toronto/CANADÁ, em 2015 e Jogos Olimpicos da Juventude de Nanjin, em 2014 ajudarão a definir a delegação brasileira para a RIO 2016  .
     O COB, em 2014, intensificará o processo de qualificação técnica das equipes brasileiras.
      Entre as várias ações, o COB tem o INSTITUTO OLIMPICO BRASILEIRO – IOB, que é um departamento de Educação do COB para o esporte olímpico.
     O seu objetivo maior é gerar e difundir conhecimento ao promover uma formação profissional de alta qualidade por meio de programas de capacitação e desenvolvimento.
     OS PRINCIPAIS PROGRAMAS são: Fundamentos da Administração Esportiva; Curso de Administração Esportiva (CAE); Curso Avançado de Gestão Esportiva (CAGE); Curso de Introdução ao Sistema Olímpico (CISO); Programa de Aperfeiçoamento de Gestores Esportivos (PAGE); Academia Brasileira de Treinadores (ABT)      e   Programa de Apoio ao Atleta (PAA);
     NOTA DO EDITOR -  Indiscutivelmente estão aí todos os programas pertinente ao desenvolvimento do esporte, no entanto sentimos a falta de um CURSO ou Programa que capacitasse a MIDIA ESPORTIVA BRASILEIRA, porque os seus integrantes, na maioria, sem medo de errar provém do futebol e muitos carecem de conhecimentos do esporte olímpico. E mesmo se tivéssemos uma mídia esportiva especializada certamente a informação seria dada com mais qualidade.
      De nossa parte, estamos dando a nossa contribuição, já estamos vivendo RIO 2016. Na medida do possível, estamos acompanhando os acontecimentos e o ano de 2013 está se indo e com isso ficam praticamente os anos de 2014 e 2015 para que então estejamos na RIO 2016, que será disputada de 5 a 21 de agosto de 2016.
     Se hoje não se tem um quadro mais fiel para se projetar o esperado TOP 10, pelos menos se tem boas iniciativas de gestão, mas não esqueçam que nesta trajetória, o BRASIL um país FUTEBOLEIRO tem uma COPA DO MUNDO em junho de 2014 e por isso os olhos efetivamente voltar-se-ão à OLIMPIADA pós COPA.

      Se estamos hoje a 1000 dias da RIO 2016, não esqueçam que estamos 607 dias dos JOGOS PANAMERICANOS DE TORONTO, que serão de 10 julho a 26 julho 2015 e se Deus quiser queremos estar lá em TORONTO para acompanhar 1 ANO ANTES o BRASIL da RIO 2016. 
        Portanto rogamos a DEUS que nos dê saúde e discernimento para que possamos continuar essa trajetória olímpica que fazemos sim por interesse particular, até pelas profissões que exercemos, mas também, na condição de um brasileiro que quer servir a sua cidade, o seu estado e o seu país.
        Fiquem na paz do SENHOR DEUS.