terça-feira, 22 de abril de 2014

NOSSO BLOG DIVULGANDO A EDUCAÇÃO FÍSICA, ESPORTE E LAZER

Luciano do Valle foi um dos maiores narradores esportivos do país (Foto: Divulgação)
Luciano do Valle foi um dos maiores narradores esportivos do país (Foto: Divulgação)
Luciano do Valle deixou esta vida no último dia 19 de abril, deixando uma imensa lacuna no jornalismo esportivo brasileiro. O Luciano locutor sempre foi, na minha opinião, o melhor do Brasil. Conseguia transmitir todas as modalidades esportivas, tinha uma voz impressionante e sabia como ninguém colocar as palavras certas para cada detalhe de um gol, de um saque, de uma cesta, de uma ultrapassagem ou chegada do automobilismo.
xxx
Foi sem dúvida a voz das transmissões de muitas Copas, Olimpíadas, Mundiais e fez valer a emoção de cada momento. Nunca escondeu seu real sentimento, por isso chorava muitas vezes no ar. O esporte proporciona isto, e o locutor precisa entender que está transmitindo o que o público realmente sente. Assim sempre foi Luciano, uma voz popular no microfone.
xxx
O Luciano empreendedor contribuiu para a massificação de várias modalidades e desde os Anos 80 entendeu que o produto televisão é um grande negócio. Desta forma, alavancou o vôlei no país, num período de investimentos de inúmeras empresas. Aproveitou a Geração de Prata e levou o vôlei como espetáculo para o Maracanã. O grande desafio entre Brasil e URSS provocou definitivamente a popularidade do esporte, hoje com o Brasil campeão olímpico no masculino e no feminino.
xxx
Luciano do Valle soube valorizar uma geração fantástica do basquete brasileiro feminino que tinha Paula e Hortência como musas. Foi responsável pela globalização da informação deste esporte com as transmissões dos jogos da NBA. Trouxe Emerson Fittipaldi de volta às pistas e popularizou no Brasil a Fórmula Indy.
xxx
Inovou ao trazer de volta à televisão o boxe, muito popular nos anos 60. Apadrinhou Adilson Maguila, alavancando sua carreira e fazendo com que o boxeador fosse por muitos anos uma personalidade esportiva. Comprovou que poderia popularizar até um esporte intelectivo como a sinuca ao transmitir competições de Rui Chapéu.
xxx
No futebol, soube valorizar craques do passado com a Seleção master do Brasil e o público pode ter de volta aos gramados Pelé, Rivelino, Edu e cia. Como pessoa, Luciano sempre foi humilde, companheiro, líder, amigo de meu pai e da minha família, uma referência que vou guardar para sempre.
Fábio Tubino é professor e comentarista da Rádio Continental, professor de História do Esporte no curso de pós-graduação em Jornalismo Esportivo e Negócios do Esporte do IGEC, e autor do Dicionário Enciclopédico do Esporte.

NOSSO BLOG DIVULGANDO A EDUCAÇÃO FÍSICA, ESPORTE E LAZER

LUTO... LUTO... LUTO...

COMUNICAMOS O FALECIMENTO EM PATO BRANCO - PR, DA ESPOSA DO NOSSO COLEGA, AMIGO, SEM FRONTEIRAS , NELSON SCHAVALLA.

Nosso colega Schavalla estava em viagem com os PROFISSIONAIS DE EDUCAÇÃO FÍSICA SEM FRONTEIRAS, pela Bolivia, Peru, Equador e encerraria na VENEZUELA.
Segundo a informação que vem da FIEP, sua esposa morreu de um enfarto.