terça-feira, 31 de março de 2015

NOSSO BLOG DIVULGANDO O CIRCUITO DE TENIS ESCOLAR E UNIVERSITÁRIO


Espanha será o destino de 32 alunos-atletas campeões do Circuito de Tênis Escolar e Universitário
Com tudo pago, jovens brasileiros irão treinar, estudar e fazer turismo em Barcelona. Inscrições abertas!
Entre abril e maio acontece a sexta edição do Circuito de Tênis Escolar e Universitário, apresentado pelo Itaú por meio da Lei Federal de Incentivo ao Esporte. A tradicional competição para jovens estudantes, que no período de férias levará 32 campeões para a Espanha com tudo pago, está com inscrições abertas e gratuitas para alunos e alunas das redes pública e privada de ensino nos estados da Bahia, Paraná, Rio Grande do Sul e São Paulo.

Por duas semanas em julho deste ano, os tenistas brasileiros estarão em Barcelona, onde poderão treinar, estudar um segundo idioma (espanhol ou inglês) em umas da melhores academias da Europa, a Sánchez-Casal, responsável por formar grandes estrelas do tênis, como Andy Murray, Ana Ivanovic e Grigor Dimitrov. Além disso, os alunos brasileiros poderão percorrer os principais pontos turístico da capital cultural da Catalunha.

Para se inscrever em busca de uma vaga entre os selecionados que vão para Espanha, basta que o aluno esteja regularmente matriculado e tenha vontade de participar do Circuito de Tênis Escolar e Universitário, uma vez que sua participação no torneio independe do nível técnico e não há exigência quanto a pontos no ranking juvenil ou profissional. Os interessados podem realizar a inscrição via site: www.escolaruniversitario.com.br. As inscrições são limitadas.

O EVENTO

Em formato dividido entre chaves masculina e feminina, as disputas acontecem em diferentes categorias, como 12 anos, 14 anos, 18 anos (para jogadores a partir dos 15 anos) e universitário, que aceita inscrições somente de alunos da graduação. Confira abaixo ou no site do torneio as datas dos jogos, as sedes de cada estado e o prazo para as inscrições.

EXPERIÊNCIA EM BARCELONA

Segundo Sergio Casal, proprietário da Academia Sánchez-Casal, os tenistas brasileiros terão uma oportunidade especial para elevar o nível técnico e trocar experiências com treinadores e jogadores de diversas nacionalidades. "Estamos felizes por receber os tenistas brasileiros. Esta é uma oportunidade incrível para que estes jogadores vivenciam uma experiência internacional, treinar em alto nível com treinadores e jogadores de diferentes nações, um intercâmbio fundamental para o atleta se desenvolver dentro e fora das quadras.", disse o ex-número 1 de duplas do mundo e medalhista de prata nas Olimpíadas de Seul, em 1988.

EDUCAÇÃO E ESPORTE
Ao longo de sua história, o Circuito de Tênis Escolar e Universitário tem como objetivo aliar estudo e a prática esportiva na vida dos jovens, um projeto que busca claramente transformar a vida das pessoas e já premiou mais de 200 alunos e diversas instituições de ensino do País nos últimos anos.

O Circuito de Tênis Escolar e Universitário é apresentado pelo Itaú, por meio da Lei Federal de Incentivo ao Esporte, com o co-patrocínio da Azul - a transportadora oficial. A ACESC (Associação de Clubes e Sócio-Culturais de São Paulo) e Bayard são apoiadores oficiais do evento. A organização é do Instituto Sports.

PROGRAMAÇÃO DOS JOGOS E PERÍODO DE INSCRIÇÕES

ETAPA DO RIO GRANDE DO SUL
Local: Parque Esportivo da PUC-RS
[Av. Ipiranga, 6690 - Prédio 81 - 8º Andar - Porto Alegre/RS]
Mais Informações: rs@escolaruniversitario.com.br

Programação e Inscrições
jogos da categoria 12 anos - de 15 a 18 de abril - (Inscrições até 13 de abril)
jogos da categoria 14 anos - de 22 a 25 de abril - (Inscrições até 20 de abril)
jogos da categoria Universitária - de 29 a 02 de maio (Inscrições até 27 de abril)
jogos da categoria 18 anos - de 06 a 09 de maio (inscrições até 4 de maio)

ETAPA DE SÃO PAULO
Local: Clube Atlético Indiano
[Rua Francisco Nóbrega Barbosa, 411 - Parque Alves de Lima - São Paulo/SP]
Mais Informações: sp@escolaruniversitario.com.br

Programação e Inscrições
jogos da categoria 12 anos - de 23 a 26 de abril (inscrições até 20 de abril)
jogos da categoria 14 anos - de 30 de abril a 03 de maio (inscrições até 27 de abril)
jogos da categoria 18 anos - de 07 a 10 de maio (inscrições até 04 de maio)
jogos da categoria Universitária - de 14 a 17 de maio (inscrições até 11 de maio)

ETAPA DO PARANÁ

Local: Prieto Tennis Ecoville
[Rua Monsenhor Ivo Zanlorenzi, 961 - Ecoville - Curitiba/ PR
Mais Informações: pr@escolaruniversitario.com.br

Programação e Datas das Inscrições
jogos da categoria Universitária - de 23 a 26 de abril (inscrições até 15 de abril)
jogos da categoria 14 anos - de 30 de abril a 03 de maio (inscrições até 22 de abril)
jogos da categoria 12 anos - de 07 a 10 de maio (inscrições até 29 de abril)
jogos da categoria 18 anos - de 14 a 17 de maio (inscrições até 06 de maio)

ETAPA DA BAHIA

Local: Winner Tennis Academia
[Rua Barros Pimentel, 129 - Jardim Imperial - Pituaçu - Salvador/ BA]
Mais Informações: ba@escolaruniversitario.com.br

Programação e Inscrições
jogos da categoria 12 anos - de 24 a 27 de abril (inscrições até 20 de abril)
jogos da categoria 14 anos - de 01 a 04 de maio (inscrições até 28 de abril)
jogos da categoria 18 anos - de 08 a 11 de maio (inscrições até 05 de maio)
jogos da categoria Universitária - de 15 a 18 de maio (inscrições até 05 de maio)

Assessoria de Imprensa
Lia Benthien
imprensa@escolaruniversitario.com.br
(11) 9.7210-0499


sexta-feira, 27 de março de 2015

NOSSO BLOG DIVULGANDO A EDUCAÇÃO FÍSICA, ESPORTE E LAZER


Minas Gerais será palco do Mundial Júnior Masculino de Handebol
As cidades de Uberlândia e Uberaba irão receber 24 seleções no período de 21 de julho a 3 de agosto


Santo André (SP) - O novo palco do Campeonato Mundial Júnior Masculino de Handebol foi confirmado nesta quinta-feira (26). A competição será realizada nas cidades de Uberlândia e Uberaba, no Estado de Minas Gerais, no período de 21 de julho a 3 de agosto, e contará com a presença de 24 Seleções. Cada uma das cidades receberá 12 equipes durante a fase classificatória. As semifinais e finais serão disputadas em Uberlândia. Esta é uma competição de grande importância no calendário internacional da modalidade, já que vários atletas desta categoria já fazem parte das equipes adultas e têm a possibilidade de integrar, inclusive, as Seleções Olímpicas em 2016, servindo como grande vitrine.

Anteriormente, as cidades de Campo Bom, Farroupilha, Caxias do Sul e Santa Maria, no Rio Grande do Sul, iriam receber o evento. A realização do Mundial vinha sendo conduzida desde meados de 2013. "Desde 2013 estamos tratando do Mundial com o Estado. Em 29 de novembro daquele ano, tivemos reunião em Caxias do Sul com o Secretário de Estado e representantes das cidades candidatas para receber o Mundial", contou o presidente da CBHb, Manoel Luiz Oliveira. No início de agosto de 2014, o Governo do Estado recebeu a comitiva da Federação Internacional de Handebol (IHF) e Confederação Brasileira de Handebol (CBHb), que estavam fazendo a última vistoria para aprovação das cidades que receberiam o evento, além de representantes das cidades previamente selecionadas e imprensa.

Na ocasião, o Governo confirmou a realização do Mundial no Estado, e o compromisso de incluir a competição no orçamento de 2015. Inclusive, a realização do campeonato foi anunciada pelo Governo, durante o seminário 'O esporte: um fator de desenvolvimento econômico. No entanto, com as eleições de 2014 e a troca do Governo Estadual, no início de 2015, o Estado declarou que não tem como fazer o aporte financeiro necessário, que havia sido acordado no ano passado, voltando atrás na decisão de receber o campeonato. "A Confederação foi pega de surpresa ao ser informada de que o Rio Grande do Sul não teria como receber mais o Mundial de Handebol. O atual Governo decretou uma moratória e a competição foi inclusa nela", completou o dirigente.

"Infelizmente, apesar de solicitarmos formalmente uma carta de desistência, até hoje não a recebemos. Mesmo assim, imediatamente, comunicamos à IHF e ao Ministério do Esporte. A IHF nos perguntou se tínhamos um plano B. Dissemos que não, porém, nos deram um prazo para encontrar uma solução, pois já tinham agendada uma última visita antes do Mundial às cidades sede. Fomos buscar alternativas e encontramos no Estado de Minas Gerais, nas cidades de Uberlândia e Uberaba, depois de consultar o presidente da Federação local, Cláudio Dias. O Estado de Minas Gerais se mostrou extremamente receptivo", acrescentou Manoel.

Esta semana, os locais de competição e a estrutura de hotelaria das duas cidades mineiras passaram pela inspeção do vice-presidente da Federação Internacional de Handebol (IHF), Miguel Roca, e do presidente da comissão de organização de competições da instituição, Leon Kalin, que aprovaram tudo, juntamente com o presidente da Confederação Brasileira de Handebol, Manoel Luiz Oliveira. Um dos destaques para os dirigentes foi a receptividade e empenho dos representantes de cada uma das cidades em receber a competição.

"A CBHb e a Federação Internacional estão muito contentes com a estrutura e a logística que teremos aqui. Isso influenciou na decisão, certamente. Além do apoio local que é muito importante. Temos hotéis, instalações esportivas, enfim, as condições necessárias para realizar o evento. O Estado de Minas e as cidades de Uberlândia e Uberaba estarão em evidência no Mundo inteiro", ressaltou o presidente da Confederação Brasileira, Manoel Luiz Oliveira.

Em Uberlândia, os jogos serão disputados nos ginásios do Praia Clube e na Arena Multiuso Tancredo Neves (Sabiazinho). Já em Uberaba, os palcos serão o Centro Olímpico e o ginásio do Colégio Marista. "Estamos muito contentes em poder fazer o Mundial em uma região em que o handebol é muito forte nas escolas. Nós iremos, antes, durante e depois, levar elementos de fortalecimento da modalidade, como cursos, núcleos do projeto MiniHand, vamos fazer parcerias com as escolas para que elas adotem os países participantes, façam pesquisas sobre eles, vamos também tentar levar a Seleção lá para criar uma grande interação. Tenho muito o que agradecer a essas duas cidades. As pessoas foram muito receptivas, muito parceiras e se mostraram extremamente capazes. Fiquei impressionado com a agilidade e eficiência com que as coisas foram acertadas aqui. Tenho certeza de que Minas e o Brasil irão dar uma demonstração pujante em termos de organização e de resultado", completou Manoel.

A ida do campeonato para o Estado do Sudeste está sendo viabilizada também pelo trabalho da Federação Mineira de Handebol, que tem feito parte de todas as negociações e articulações para que a realização do Mundial fosse possível lá. "Para Minas, é uma alegria e uma importância imensa receber o Mundial. Mesmo antes da confirmação oficial da realização do evento aqui, vários setores do Estado e das cidades se movimentaram. Muitas pessoas, inclusive de outros locais, já me perguntaram detalhes e informações para poderem acompanhar de perto. Tenho certeza que vamos fazer um campeonato muito bom. Algumas das sedes precisarão de adaptações físicas, mas tudo sairá bem. As pessoas envolvidas estão com muita vontade de fazer este Mundial", comentou o presidente da Federação, Cláudio Dias.
Os Correios e o Banco do Brasil são os patrocinadores oficiais do Handebol do Brasil. A ASICS é a marca oficial de material esportivo e a Penalty a fornecedora de bolas.

quarta-feira, 25 de março de 2015

NOSSO BLOG EM PARALELO COM O SITE OLIMPICO COM OS 500 DIAS ANTES DA RIO 2016

Palavra  Olimpica:

NOS 500 DIAS COBERTURA DIRETA DO RIO DE JANEIRO DA RIO 2016
 Estamos com texto e algumas fotos que registram este momento importante na nossa cobertura inédita da RIO 2016.
A nossa presença na cidade do Rio de Janeiro nos 500 DIAS para a Olimpiada  foi planejado. Graças a Deus, QUILISPORT/CAEL-SM com os nossos parceiros neste SITE OLIMPICO e no jornal SAUDE PELA PRÁTICA, RÁDIO IMEMBUÍ e agora também a revista EMPRESÁRIO FITNESS, do nosso amigo LEONARDO ALLEVATO vem cumprido com as ações estabelecidas nessa cobertura inédita para SANTA MARIA.
   
 Na segunda-feira, dia 23, 1 dias antes, estivemos no Comitê Olímpico do Brasil – COB, fizemos – está já nesse site – uma entrevista esclarecedora com MARCUS VINICIUS, Diretor de Esportes do COB, homem responsável pela participação do Brasil, em termos de seleções.( vide texto e fotos).

   Na terça-feira, a marca dos 500 DIAS – O Rio teve alguns acontecimentos: Politicamente, Eduardo Paes participou na inauguração da perfuração do final de um túnel, com 90% da obra executada, do Armazem 8 até a Praça XV; Em termos de esportes, os Correios iniciaram o lançamento dos selos que trazem as modalidades esportivas da RIO 2016. E evidente  as autoridades olímpicas valeram-se dos espaços noticiosos da mídia nacional e de algumas sucursais internacionais.

   ENCONTRO DA IMPRENSA – Com demora na definição, pois só foi confirmada na noite de segunda-feira, dizemos isso porque estávamos cobrando da ASSESSORIA DE IMPRENSA da RIO 2016, desde meses, pois estávamos programados para vir ao RIO. Finalmente aconteceu às 16h de terça-feira, no auditório da RIO 2016, sem muita demora, pois o presidente  NUZMANN, do COB fez uma alocução e respondeu algumas perguntas. Ele agradeceu a presença  e falou da adrenalina que lhe move desde que o |Rio foi anunciado vitorioso na candidatura da Olimpíada 2016 e que a disposição, preocupação e muito trabalho continuam. Garantiu que tudo estará em ordem: Os atrasos, disse que são normais, em muitas outras também aconteceram. Afirmou que em tempo hábil estarão as obras olímpicas prontas e o Rio será transformado e oferecerá ao mundo uma das maiores olímpiadas da história.

     As perguntas para NUZMANN aconteceram no plano financeiro e no problema da BAIA DA GUANABARA, pois o prefeito Eduardo Paes é o mais incidente e cobra do Governo Estadual e até disse que  não mais será possível despoluí-la. Sobre isso NUZMANN ameniza e diz que o Governo Pezão está fazendo de tudo e que vai as raias vão ter condições e novamente justificou que Sidney também teve problemas.

    Hoje, quarta-feira, permanecemos aqui no Rio até quinta-feira e vamos fazer um filtro das noticias pós os 500 DIAS.

     Amanhã, estaremos na Universidade Estadual do Rio de Janeiro – UERJ, a convite do nosso amigo LAMARTINE DOS SANTOS, no pré-lançamento do livro “ O futuro dos Megaeventos esportivos”.

     PALAVRA DO EDITOR – Mas ao encerrarmos essa coluna olímpica, que esporadicamente veiculamos em nosso site olímpico, queremos externar a nossa posição de um modesto jornalista do interior do Brasil,  que vem há décadas trabalhando na difusão do esporte e especificamente no caso, com dedicação na cobertura dos Jogos Olímpicos – começou em Barcelona, 1992. Claro que não tem sido fácil, mas a determinação que nos move e a crença no poderoso DEUS tem nos levado a termos caminhos abertos.

    Aqui na ASSESSORIA DE IMPRENSA DA RIO 2016, muitos colegas não nos conheciam pessoalmente, mas vieram falar conosco, por  conhecer nos através de e-mails com texto insistentes no que tange a busca da informação. Assim somos e enquanto Deus nos der forças, seguiremos.

    E a nossa posição sobre os 500 DIAS?-  É o tempo está chegando, estamos escrevendo, tendo o privilégio, do apto do ERASMO RECHIA, aqui na Barra, de estar vendo as obras do PARQUE OLIMPICO.

    Seguramente que o tempo vai correr,  ainda mais. Na nossa opinião, a  preocupação maior incide em cima do momento hoje economicamente que vive o Brasil e se não houver contingência na liberação de dinheiro, no atropelo, sai. Nisso é que acreditamos e torcemos e como defensor da idéia de que uma OLIMPIADA traz sim legados.

(CLERY – EDITOR)
Privilégio de estarmos alguns metros do PARQUE OLIMPICO, na residência do santa-mariense ERASMO RECHIA
Boletim para a Rádio Imembuí - Santa Maria
Nós na entrevista com MARCUS VINICIUS, no COB
 Nós na frente da RIO 2016

 Nós com os colegas Guilherme e Bernardo, da RIO 2016
No Encontro da Imprensa no auditório da RIO 2016
 Recordando 2014, quando dos 2 ANOS ANTES, deixamos o registro no painel comemorativo

segunda-feira, 23 de março de 2015

NOSSO BLOG EM PARALELO COM O SITE OLIMPICO, DIRETO DO RIO DE JANEIRO


Jogos da RIO 2016:
MARCUS VINICIUS DO COB: “BRASIL BUSCARÁ TOP TEN. NOSSA VERBA É DA LOTERIA ESPORTIVA DO BRASIL.”


Marcus que viveu a prática esportiva, hoje não se separa do computador.
O Diretor de Esportes do Comitê Olímpico do Brasil – COB, Marcus Vinicius Freire, medalhista do voleibol olímpico em 1984, em entrevista  ao jornalista CLERY QUINHONES DE LIMA, de QUILISPORT/CAEL-SM, de Santa Maria - RS, no seu gabinete no COB,  durante a comemoração dos 500 DIAS ANTES DA RIO 2016,  afirmou que tudo se encaminha muito bem para que o Brasil figure entre as 10 primeiras nações olímpicas nos Jogos da RIO 2016 e que a situação financeira atual do país, não preocupa o andamento do trabalho, tendo em vista que o planejamento da preparação das equipes olímpicas do Brasil são custeadas com verbas da Loteria Esportiva.
No telefone, viva voz, Clery entrevista MARCUS para a Rádio Imembuí-Santa Maria - RS
CLERY- És responsável no COB pela preparação das seleções do Brasil e foi traçado o chamado “Top Ten”, isto é projetar o Brasil na classificação entre as 10 primeiras nações olímpicas?
MARCUS VINICIUS – Idealizamos em 2009 e todas as ações e projetos na programação estão sendo cumpridos. O Brasil segue com a meta de fazer um salto de qualidade. Em 2012, O Brasil ficou na posição 16ª., com 17 medalhas e a projeção para que fiquemos até a 10 colocação, temos que fazer de 27 a 28 medalhas. Os 2 primeiros anos do Ciclo do Quadriênio foram positivos: 2013, comparado a 2009, de 15 medalhas, fizemos 27 medalhas em competições internacionais. No segundo ano-2014, das 15 medalhas de 2010 saltamos para 24, a curva é ascendente, mas é claro que isso tem que se  comprovar na prática em 2016. O trabalho está traçado.
CLERY – A Tecnologia tem permitido e o COB através de sua equipe técnica tem acompanhado a preparação dos países que estão na frente do Brasil?
No computador, os registros de tudo que acontece no mundo e também a vida dos atletas  e ações das Confederações. 
MARCUS VINICIUS - Sim um dos investimentos grandes que nós fizemos foi a inteligência competitiva, pois em esporte não adianta vocês melhorar o seu tempo, a tua distância o teu resultado, se o adversário melhora antes de você. Então você tem que estar acompanhando o que os outros estão fazendo. Ninguém inventa muita coisa nesse ramo. Nós acompanhamos o mundo inteiro procurando as melhores práticas. Nossa equipe esteve em 28 centros de treinamentos do mundo, entendendo  o que fazem de melhor principalmente na ciência do esporte  nos vários esportes para que o Brasil tenha os resultados esperados em 2016.
CLERY – O Brasil vive um momento delicado, até pode se dizer numa crise financeira, isso atrapalha o planejamento traçado?
MARCUS VINICIUS -  No nosso caso o COB e dividir com as federações e apoiar nossos atletas e treinadores, está fora do orçamento geral da união, pois o nosso dinheiro vem das loterias esportivas, pois quem aposta, temos no prêmio 2% para o Comitê Olímpico do Brasil  e para o Comitê Paraolímpico do Brasil para repassarem as suas federações, então esse recurso não tem contingência, no entanto nos preocupa sim, porque a montagem de uma delegação, isso fizemos nos últimos 10 anos, tem a aglutinação do Ministério do Esporte e da Tecnologia, das Forças Armadas, dos clubes e das Confederações, aí sim juntamente com a bolsa pódio e plano medalhas podem atrapalhar, pois vem do Governo Federal e se haver contingência. já que estamos a 500 DIAS para a RIO 2016.
CLERY -  Todos estão vendo de que tem obras atrasadas. Isso preocupa?
MARCUS VINICIUS – Eu tenho acompanhado a muitos anos a preparação de eventos internacionais, desde atleta e como chefe de Missão e todos eles andam neste ritmo, temos que certeza que em tempo,  estaremos com tudo pronto e faremos um dos melhores Jogos Olímpicos, a primeira Olimpiada na América do Sul.
(Essa entrevista foi transmitida pela Rádio Imembui, no espaço Saude Pela Prática, no dia 23 de março) 

MARCUS VINICIUS será homenageado no dia 17 de abril, na cidade de Santa Maria, por ocasião da realização do evento TROFEU DESPORTIVO CIDADE DE SANTA MARIA, na sua vigésima quarta edição, promovido pela QUILISPORT e CAEL-SM. MARCUS fará 2016. 

PALAVRA DO EDITOR
Nesta terça-feira, dia 24 de março, comemora-se os 500 DIAS ANTES PARA A RIO 2016, nós, de Santa Maria, representando nossos Veículos, estamos fazendo o que fizemos em agosto do ano passado, por ocasião dos 2 ANOS ANTES, registrando, ao vivo, o evento.
Nessa segunda-feira, além de estarmos no COB, com o Marcus Vinicius, estivemos na Confederação Brasileira de Voleibol, falamos com o colega jornalista Rogério e com o diretor de seleções de Volei de Praia, FRANCO NETO e também fomos a sede da RIO 2016 e fomos recebidos pelo BERNARDO, Assessor de Impensa e tivemos a oportunidade de rever Guilherme, hoje na RIO 2016, ele fazia parte da Assessoria de Imprensa da  CBV.


Sede da CBV 
Jornalista Rogério e o Diretor de Voleibol de Praia, Franco Neto


Nós na frente da sede da RIO 2016


Nós com os jornalistas: Guilherme (esquerda) e Bernardo

domingo, 22 de março de 2015

NOSSO BLOG EM PARALELO COM O SITE OLIMPICO COM MATÉRIA DIRETA DO RIO DE JANEIRO

NOSSA COBERTURA INICIA NO RIO
Clery saindo de casa
Chegamos na manhã de hoje na cidade do Rio de Janeiro. Estamos hospedados num apto aqui na BARRA, bem próximo do coração olímpico ou seja do PARQUE OLÍMPICO. Estamos na residência do nosso amigo, ex-aluno do Colégio Coração de Maria, o ERASMO RECHIA, irmão também do nosso ex-aluno RUI, do handebol da ADUFSM, hoje morando em Santa Helena e atuando no Paraguai, com a sua ACADEMIA.
A seguir vamos apresentar algumas fotos(do nosso celular e também da câmera), principalmente da visão que temos deste apartamento e já vamos informando a turma do nosso handebol que o COMPLEXO da nossa modalidade está apenas nas fundações, ele será construído à esquerda do MARIA LENK.
 Ao fundo, temos a Avenida que passa no MARIA LENK e no futuro PARQUE OLÍMPICO
 Aqui mostramos à esquerda o espaço onde será construído o COMPLEXO para o Handbeol, que depois dos Jogos serão escolas. À direita o Complexo de Natação do MARIA LENK



Conosco o ERASMO RECHIA que nos recepciona na cidade do Rio, aqui estamos no almoço, aqui perto do seu residencial.
NOTA DO EDITOR
Amanhã, segunda-feira, às 10h, estaremos no Comitê Olímpico do Brasil - COPB, pois já está agendado uma entrevista que faremos com o MARCUS VINICIUS. O Superintendente de ESPORTES do COPB é responsável pela preparação das equipes do Brasil para a RIO 2016 e é o autor da proposta do " TOP TEN" isto é a pretensão de fazer o Brasil chegar na Rio 2016 entre as 10 primeiras nações olímpico. Faremos matéria com ele para a RÁDIO IMEMBUÍ, Jornal SAUDE PELA PRÁTICA, nosso site olimpico e para a Revista EMPRESÁRIO FITNESS.

sábado, 21 de março de 2015

NOSSO BLOG EM PARALELO COM O SITE OLIMPICO COM O HANDEBO BRASILEIRO

Presidentes da federações estaduais visitam Centro de Desenvolvimento do Handebol

Complexo construído em São Bernardo do Campo (SP) tem previsão de entrega para o dia 15 de abril

Santo André (SP) - Os participantes da Assembleia Geral da Confederação Brasileira de Handebol de 2015, finalizada ontem, fizeram, neste sábado (21), uma visita ao Centro Nacional de Desenvolvimento da modalidade, construído em São Bernardo do Campo (SP). Os integrantes de vários departamentos da entidade e os presidentes das federações estaduais conheceram todas as instalações, que têm previsão de entrega no dia 15 de abril. O espaço será um marco para a modalidade, que tem conseguido resultados cada vez mais expressivos.

O complexo conta com quadras, refeitório, alojamento, salas de fisioterapia, nutrição, psicologia, academia e outros ambientes, pensados especificamente para o desenvolvimento não só das equipes adultas, mas também das categorias de base. "Aqui será possível alojar 143 pessoas de uma só vez e treinar quatro seleções simultaneamente. Será um marco para o handebol brasileiro. Realmente, é um sonho sendo realizado", disse emocionado o presidente da CBHb, Manoel Luiz Oliveira.

O secretário de esportes de São Bernardo, José Alexandre Pena Devesa destacou a grande infra-estrutura. "Além das áreas específicas para o handebol, temos aqui no complexo - que conta ainda com os centros de treinamento da ginástica artística e do atletismo - também um anfiteatro com capacidade para mais de 400 pessoas. O handebol brasileiro já tem conseguido bons resultados e esse centro vem para contribuir com isso. A previsão de entrega oficial é no dia 15 de abril", acrescentou.

Todos os presidentes das federações estaduais ficaram empolgados ao conhecer a estrutura e a nova casa do handebol brasileiro. Para Fabiano Lima Cavalcante, da Federação do Estado do Ceará, a chegada do centro irá contribuir muito com o desenvolvimento da modalidade. "O centro irá dar condições ainda melhores, não só para a Seleção Olímpica, mas também para o processo de base, que na visão das federações é muito importante. Será a casa da Confederação, que não irá depender mais das prefeituras e dos Estados para fazer seus eventos e treinamentos", encerrou.
Os Correios e o Banco do Brasil são os patrocinadores oficiais do Handebol do Brasil. A ASICS é a marca oficial de material esportivo e a Penalty a fornecedora de bolas.

quinta-feira, 19 de março de 2015

NOSSO BLOG DIVULGANDO A ATIVIDADE FÍSICA JUNTO COM A CONVENÇÃO BRASIL 2015

SANTA MARIA RECEBE ORGANIZADORES
 DO EVENTO DA 
22 a.  CONVENÇÃO BRASIL 2015
Santa Maria recebeu os integrantes do Evento CONVENÇÃO BRASIL 2015 - SAUDE, SPORT E FITNESS. Conosco, no ITAIMBÉ PALACE HOTEL, estiveram  da CONVENÇÃO BRASIL 2015, Giovanni Bavaresco e Luiz Henrique Hesseler ( destacando que o coordenador geral é professor ALESSANDRO GAMBOA) e nós estivemos também acompanhado do Cleryston, da QUILISPORT e EFICAZ ACADEMIA.
 Os nossos espaços do WEBSITE e Jornal SAUDE PELA PRATICA passam a serem divulgadores do evento que acontece na PUC, no mês de junho/2015.
Luiz Henrique, Giovanni e Cleryston
 

terça-feira, 17 de março de 2015

NOSSO BLOG COM A CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE HANDEBOL



Jorge Henrique Oliveira
Clique na imagem para fazer o Donwload...

Manoel Luiz Oliveira, presidente da CBHb

Confederação Brasileira de Handebol realiza Assembleia Geral em SP
Assuntos ligados ao desenvolvimento da modalidade serão abordados de quarta (18) a sexta-feira (20), em São Paulo (SP)
Santo André (SP) - A Assembleia Geral de 2015 da Confederação Brasileira de Handebol (CBHb) será realizada de quarta (18) a sexta-feira (20), em São Paulo (SP). Com a presença dos representantes das 27 Federações Estaduais, integrantes da instituição e gestores, serão discutidos temas relevantes para o desenvolvimento da modalidade.

O handebol nacional vem passando por um momento extremamente positivo, não somente dentro das quadras, mas também no quesito administrativo e organizacional e, esse deve ser o tema central da reunião. Os recentes resultados das Seleções principais e também o desenvolvimento das categorias de base serão temas abordados. Além disso, o crescimento das competições nacionais, parcerias e convênios que têm tornado possível o desenvolvimento do handebol no Brasil também estão em pauta.

Outros assuntos dizem respeito a questões administrativas, como a aprovação do regimento interno do Conselho de Administração e eleição e posse dos cinco membros do mesmo, aprovação do regimento interno do Conselho Consultivo e constituição e posse dos oito respectivos integrantes. Apresentação, discussão e aprovação do regimento Interno do Conselho Fiscal, assim como do Código de Ética da CBHb e apresentação, discussão e aprovação da Ouvidoria da presidência, e apresentação do edital para composição das Comissões de Clubes, Atletas e Árbitros, também fazem parte da programação.

O presidente da Confederação Brasileira de Handebol (CBHb), Manoel Luiz Oliveira, destaca o trabalho que está sendo feito por todos os envolvidos para que a modalidade cresça ainda mais. "Este é um momento de grande importância para o esporte brasileiro e o handebol, sobretudo, tem muito a celebrar. Sabemos que com as conquistas também vêm as responsabilidades e, com isso, temos muito trabalho pela frente. Estamos nos aproximando do evento mais importante deste ciclo, os Jogos Olímpicos do Rio de janeiro no próximo ano e, queremos cumprir nossos objetivos que é manter o Brasil em uma posição de destaque. Para isso, estamos trabalhando incansavelmente em todos os âmbitos, com a ajuda dos nossos parceiros", comentou.
Os Correios e o Banco do Brasil são os patrocinadores oficiais do Handebol do Brasil. A ASICS é a marca oficial de material esportivo e a Penalty a fornecedora de bolas.