quarta-feira, 22 de abril de 2015

NOSSO BLOG COM ORLANDINHO DO TENIS EM CHALLENGERS


'Orlandinho' conquista 1ª vitória em Challengers contra top 200 em Santos

A terça-feira em Santos foi especial para a nova geração do tênis brasileiro. Orlando Luz, maior promessa do País na modalidade, alcançou um feito inédito na carreira ao conquistar sua primeira vitória em ATP Challenger, justamente na estreia do tenista de 17 anos em torneios deste porte no circuito mundial. E o triunfo não poderia ser mais surpreendente: Orlandinho desbancou um dos principais candidatos ao título no Tênis Clube, o argentino e 200º colocado Guido Andreozzi, parciais de 6/3 4/6 6/3.
"Não tenho dúvidas que esta é a minha maior vitória na carreira, a ficha ainda não caiu. Estou feliz pela oportunidade que a organização me deu, estou provando que o convite não foi uma má escolha e que tenho capacidade para jogar contra tenistas de alto nível, apesar da minha pouca idade", disse o tenista, cercado por garotos que pediam autógrafos e a sua munhequeira como lembrança no Campeonato Internacional de Tênis de Santos.
Créditos: Instituto Sports

O duelo com Andreozzi não começou bem para o Orlando, que foi quebrado logo no primeiro game com saque. O tenista, entretanto, conseguiu reagir com grande apoio da torcida. "Comecei nervoso, senti um pouco a pressão, mas consegui reagir e acabei me soltando no decorrer da partida. Quando saquei pra fechar em 5/3, um game que a gente acaba pensando um pouco mais para ganhar, cheguei a perder um match-point, mas não abalei e consegui finalizar na minha segunda oportunidade", avaliou Orlandinho.
Seu próximo confronto em Santos será curiosamente contra outra grande promessa do tênis nacional, o amigo Marcelo Zormann, 18 anos, que também venceu nesta terça sua primeira vitória em um ATP Challenger. Será o quinto confronto dos tenistas (retrospecto: 2-2), mas o primeiro no circuito profissional.
Luz 'supera' Guga: Assim como Orlandinho, o ídolo Gustavo Kuerten também tinha 17 anos quando obteve em Natal/RN sua primeira vitória em Challengers, na temporada 1994. A diferença é que Guga alcançou essa marca a cinco dias de completar 18 anos, enquanto Orlando atingirá essa idade somente em fevereiro do ano que vem.
Thomaz Bellucci e João Souza, o Feijão, chegaram neste mesmo degrau mais tarde. Bellucci com 18 anos, em 2006, em Campos do Jordão/SP, enquanto Feijão triunfou em 2007 aos 19 anos no torneio de Bogotá, na Colômbia.
*Em função da chuva, a partida de Rogério Dutra Silva e Maximo Gonzalez foi adiada para esta quarta-feira.
Programação - Quarta-Feira (22/04)
Quadra Central - 11h00
[1] M. Gonzalez (ARG) vs [WC] R. Dutra Silva (BRA) 00
[3] A. Ghem (BRA) vs [Q] R. Hocevar (BRA)
Não antes das 14h00
G. Gigounon (BEL) vs [Q] J. Pereira (BRA)
Não antes 18h00
S. Galdos (PER) / F. Romboli (BRA) vs R. Dutra Silva (BRA) / A. Ghem (BRA)
[3] G. Andreozzi (ARG) / A. Behar (URU) vs [WC] R. Matos (BRA) / M. Zormann (BRA)
Quadra 1 - 11h00
J. Hernandez (DOM) vs A. Molteni (ARG)
Não antes 13h30
A. Michon (FRA) vs [4] G. Pella (ARG)
J. Hernandez (DOM) / C. Lindell (SWE) vs C. Buchanan (USA) / B. Rola (SLO)
Não antes das 16hApós descanso - [Alt] J. Cagnina (BEL) / G. Gigounon (BEL) vs A. Michon (FRA) / G. Mina (FRA)
Foto: Divulgação/Facebook

Nenhum comentário: