segunda-feira, 23 de outubro de 2017

MAIS TUFÕES NO JAPÃO


Taifu 21º paralisa a capital japonesa com ventos de 240 km/h e segue para Saitama, Ibaraki e Tochigi


O 21º tufão trouxe mais de 400 mm de chuva nas últimas 48 horas desde domingo nas regiões de Wakayama, Mie e Kagoshima. A cidade de Shingu em Wakamaya sofreu com mais de 700 mm de chuva. Casas desabaram com o impacto do vento nas região de Kanto.

Milhares de pessoas deixaram suas casas e centenas estão em abrigos temporários.

O Tufão passa neste momento pela capital japonesa e paralisa todos os transportes públicos da cidade. Um alerta de emergência foi emitido para todos os cidadãos de Tóquio, com recomendações de segurança.
As rajadas de vento forte que atingem até 240 km por hora e segue em direção as províncias de Saitama, Gunma, Ibaraki, Tochigi e segue para região nordeste do país.


O tufão 21º, classificado como uma tempestade intensa de categoria 4 estava ao sul do Japão e ia em direção a nordeste a 50 quilômetros por hora na noite de domingo, se acelerando levemente, disse a Agência de Meteorologia do Japão. O Lan parece ter enfraquecido desde o auge, agora, classificado como categoria 2, mas ainda é considerada uma tempestade poderosa, que pode causar chuvas de mais de 80 milímetros em uma hora no Japão, disse uma autoridade da agência. Nas imagens gravadas, você vê o tufão “Talim”, última tempestade que atingiu a ilha de Kyushu, no sul do Japão, trazendo alterações em voos e chuvas torrenciais
A agência meteorológica alertou sobre deslizamentos de terra e rios que estão transbordando, nessas regiões os ventos fortes e estão gerando ondas altas nas áreas litorâneas.
Um pedestre morreu depois que os andaimes caíram de uma construção na cidade de Fukuoka, no sudoeste do Japão, por volta das 4:50 da tarde de ontem. A polícia acredita que o acidente foi causado por fortes ventos. Uma rajada de 87,1 km / h foi registrada em torno das 5:20 da tarde na cidade.

Em Yamaguchi, no oeste do Japão, um homem de 70 anos desapareceu depois que seu barco sofreu problemas com o motor. Seu corpo foi encontrado mais tarde em uma praia a cerca de 3,3 km de distância do local do acidente.
Em Toyohashi/Aichi, uma mulher de 85 anos sofreu ferimentos leves depois de ter sido derrubada por uma rajada de vento enquanto caminhava em uma calçada.

Nenhum comentário: