domingo, 14 de janeiro de 2018

SOLENIDADE DE ABERTURA DO EVENTO


33ºCongresso Internacional de Educação Física – FOZ:
A ABERTURA EVIDENCIOU OS 20 ANOS DO CONFEF, A EDUCAÇÃO FÍSICA  E O COMITÊ PARALÍMPICO DO BRASIL
O 33º Congresso Internacional de Educação Física de Foz mantém a tradição de reunir os acadêmicos e Profissionais de Educação Física, principalmente da América Latina, durante 4 dias, oferecendo cursos de atualização, vários eventos paralelos, Feira de Materiais Esportivos e da prática da atividade física, reuniões do CONFEF, alguns CREFS, da FIEP Mundial, Brasil e Sem Fronteiras. A Solenidade de abertura acontece na noite de 13 de janeiro, no Hotel Internacional, com a presença de autoridades representativas de varios segmentos da Educação Física e Esporte.
Nesse ano a ênfase foi dado aos 20 ANOS DO CONFEF e o COMITÊ PARALÍMPICO BRASILEIRO.







   A mesa diretiva foi formada pelo Dr. Almir Gruhn, presidente da FIEP MUNDIAL; Mestre Jorge Stenhilber, Presidente doCONFEF; Deputado Evandro Ronan, do PR, Presidente da Frente Parlamentar da Atividade Física da Câmara dos Deputados;Mizael Conrad, Presidente do Comitê Paralimpico Brasileiro; Dr. José Fernandes – Vice-Presidente da América da FIEP; Manoel Guerreiro, Vice-Presidente da América do Norte da FIEP; Dr. Gabriel Dias Lopes, Reitor da UNILOGOS; Dr. Tojal, Vice-Presidente do CONFEF, Dr. Cláudio Boschi, Presidente do Conselho Nacional de CREFS e Dr. Boaventura, vice- presidente da FIEP Mundial.


MANIFESTAÇÕES: O protocolo permitiu que a maioria dos integrantes da mesa usassem da palavra.


A saudação de abertura foi do idealizador do CONGRESSO e Presidente da FIEP MUNDIAL, Almir Gruhn, que destacou os integrantes da mesa, mencionando um mini currículo de cada um e afirmou que todos são importantes em suas funções para o brilhantismo do Evento. Almir deu ênfase nos 20 ANOS DO CONFEF e a presença do presidente MIZAEL, do Comitê Paralímpico do Brasil.


Professor JORGE STENHILBER, presidente do CONFEF, retribui as palavras do ALMIR, pois, mais uma vez, destacou a importância que o CONGRESSO DE FOZ DO IGUAÇU tem para a regulamentação da PROFISSÃO DE EDUCAÇÃO FÍSICA, porque somado a luta das Associações dos Professores de Educação Física de todo o Brasil, no Congresso de Fóz que proliferava a campanha e no Congresso, em 1999 foi empossado a primeira diretoria do CONFEF.

A maior autoridade do paralimpismo brasileiro, atleta paraolímpico, MIZAEL CONRADO, presidente do Comitê Paralímpico Brasileiro, foi o destaque da noite, que com uma memória incrível – sendo cego – citou todos os componentes da mesa e falou com maestria sobre  a importância do Profissional de Educação Física para a sociedade brasileira, assim como fez um breve relato da ascensão do paralimpismo brasileiro e disse que isso vem acontecendo pelos apoios recebidos e o gerenciamento profissional implantado no CPB.



         



Deputado Federal EVANDRO RAMON, do estado do Paraná, esteve mais uma vez no CONGRESSO, pois tem se caracterizado como um político que tem se dedicado às causas da Educação Física e Esportes do Pais, sendo um defensor na Comissão da Frente Permanente da Atividade Física e diz que faz isso por obrigado, pois é da área e destacou que tem, ao longo desses 3 anos, nove vitórias em todos os processos na.

Professor CLÁUDIO BOSCHI, de Minas, que preside o CONSEHO dos CREFS do Brasil, de fácil expressão, lembrou a relação do CONFEF com a FIEP que vem desde os anteriores presidentes e isso frutificou e hoje a EDUCAÇÃO FISICA vive um posição de destaque na sociedade.
Dr. TOJAL, atual vice-presidente do CONFEF, ex-professor de Campinas-SP, disse que não podia passar de falar e destacar o grande momento que vive a EDUCAÇÃO FISICA, que é uma extensão valiosa na obtenção da saúde.
MEDALHA CRUZ DA FIEP


 MIZAEL CONRADO, presidente do Comitê Paralímpico Brasileiro, foi o destaque da noite, logo após as falas da Mesa, ele recebeu a condecoração da  CRUZ FIEP.


PLACAS AO CONFEF – Pela passagens dos 20 ANOS DO CONFEF, o presidente JORGE STEINILBER continuou recebendo placas. Na última sexta-feira, à tarde, durante a reunião do CONFEF, foram entregues das FIEPs Estaduais e na noite da ABERTURA entregaram alguns países presentes.

Teve assinaturas de convênios da FIEP Mundial. E depois do Encerramento, o point foi o palco, para registros fotográficos.
PROGRAMAÇÃO-  No segundo dia do CONGRESSO iniciam-se pela manha, tarde e noite os cursos de atualização; apresentações de sessões científicas; Feira de Materiais e Equipamentos esportivos; Seminários e Congressos Paralelos.
      Ás 18h haverá reunião da FIEP MUNDIAL e do BRASIL, no Bella Italia. E depois uma degustação de champagne sem álcool, salame, queijos vindos de GRAMADO, com a coordenação do professor SARAIVA.

        
         

                                                                                                                    

  

         

Nenhum comentário: