sexta-feira, 8 de março de 2019

NOSSO SITE COM O COB - JOGOS DE PRAIA EM ROSÁRIO

Rio de Janeiro, 08/03/2019
Missão 100% feminina do COB embarca para os Jogos Rosário
Cerimônia de Abertura dos Jogos Sul-Americanos de Praia 2019 será no próximo dia 14. Primeiros atletas a chegar serão do Triatlo e do Vôlei de Praia, no próximo dia 10
Celebrado mundialmente no dia 8 de março, o Dia Internacional da Mulher marca a luta por igualdade de gênero e direito semelhantes aos dos homens em todos os setores da sociedade. No esporte, um marco na história do Movimento Olímpico brasileiro coincide com a data. Neste sábado, dia 9, a primeira delegação do Comitê Olímpico do Brasil (COB) liderada exclusivamente por mulheres embarca para os Jogos Sul-Americanos de Praia Rosário 2019. Serão nove profissionais de diferentes áreas para coordenar a delegação de 62 atletas, de nove modalidades. A competição será realizada em Rosário, na Argentina, de 14 a 23 de março e contará com cerca de 2.000 atletas, disputando 24 provas de 13 modalidades esportivas.
“Foi uma ideia muito feliz do COB de lançar essa missão totalmente liderada por mulheres. Não que isso venha a ser um padrão no futuro, mas que as mulheres consigam mostrar nessa missão que são capazes, tem o mesmo potencial, são profissionais. Que isso abra portas no futuro, não só no COB, mas no mundo esportivo e na sociedade como um todo”, disse a chefe da missão, Mariana Vieira de Mello, gerente de Planejamento e Desempenho Esportivo do COB.
Mariana é judoca, pós-graduada em Ciência da Motricidade Humana, que foi coordenadora de resultados dos Jogos Pan e Parapan-americanos Rio 2007, liderou o tema dos Jogos Paralímpicos na candidatura brasileira aos Jogos Rio 2016 e atuou como gerente geral dos Jogos Paralímpicos Rio 2016. Além dela, estarão na missão Dasha Mishchenko e Gabriela Soares, na área de operação, Glaucia Heier, no apoio técnico, Natália Mourão como responsável pela área médica, Flora Silva, na área de massoterapia, Amanda Lima, na fisioterapia, e Mônica Faria e Miriam Jeske, na comunicação. 
“As mulheres não querem ser tratadas como os homens. Todos nós temos nossas diferenças, mas que a gente tenha as mesmas oportunidades de mostrar do que somos capazes e que cada uma consiga conquistar seu espaço de acordo com a sua capacidade, não por ser homem ou mulher. Essa é a ideia!”, analisou Mariana.
Nos Jogos Sul-Americanos de Praia Rosário 2019, o Time Brasil será representado em nove modalidades: beach soccer, esqui aquático, handebol de praia, maratona aquática, surfe (stand-up paddle), tênis de praia, triatlo, vela e vôlei de praia. Os objetivos são diferentes para cada uma delas.
“O Brasil tem três objetivos principais em Rosário. O primeiro é dar oportunidade para atletas jovens vivenciarem esse clima de missões e de evento multiesportivo, porque são atletas que tem potencial de integrar a delegação brasileira em futuros Jogos Pan-Americanos e Olímpicos”, explicou Mariana. 
“O segundo é ter atletas de esportes de praia com chances de classificação para o Mundial de Praia em San Diego, para que possam vivenciar o clima de uma missão do Time Brasil. Além disso, a gente está levando alguns esportes não olímpicos, mas que tiveram excelentes resultados em Mundiais no ano passado, como é o exemplo do Handebol de Praia, que foi campeão. Achamos relevante dar essa oportunidade para que eles continuem nessa trilha de bons resultados para o Brasil”, completou.
A missão será composta por 62 atletas, sendo 37 homens e 25 mulheres. Os atletas do Triatlo e do Vôlei de Praia serão os primeiros a desembarcarem na cidade argentina no dia 10. Três dias depois, chegam os representantes brasileiros da Maratona Aquática e do Esqui Aquático. A Cerimônia de Abertura será realizada no dia 14 e as disputas para os brasileiros começam no mesmo dia, com o vôlei de praia e o triatlo. Entre os destaques desse primeiro dia de disputas está a dupla feminina do Vôlei de Praia, Ana Patrícia/Rebecca, que conquistaram o título da etapa de Haia (Holanda), quatro estrelas, a primeira parada do Circuito Mundial em 2019.
Fatos marcantes – Essa é a primeira missão 100% feminina do Time Brasil. 
Confira abaixo outros marcos importantes da participação feminina nos Jogos Olímpicos:
- A nadadora Maria Lenk foi a primeira mulher sul-americana a participar de uma edição dos Jogos Olímpicos, em Los Angeles 32. Aos 17 anos, Maria Lenk nadou em três provas: 100m livre, 100m costas e 200m peito.
- Em Moscou-80, o Brasil enviou 94 homens e 15 mulheres aos Jogos. Já em Atenas 2004, foram 125 homens e 122 mulheres. Em Pequim, foram 132 mulheres e 145 homens. Em Londres 2012, foram 136 homens e 123 mulheres. Na última edição, Rio 2016, foram 256 homens (55%) e 209 mulheres (45%).
- O recorde no número de atletas femininas aconteceu Rio 2016 (209), em uma delegação de 465 atletas (256 homens). Porém, devido ao Brasil ser sede dos Jogos, o processo de formação da delegação foi diferenciado nesta edição.
- Sandra Pires foi a primeira mulher porta-bandeira de uma delegação olímpica brasileira, nos Jogos de Sydney 2000.
- Isabel Clark foi a porta-bandeira na Cerimônia de Abertura dos Jogos Olímpicos de Inverno de Turim 2006 e Vancouver 2010. A atleta foi a nona colocada na prova de boardercross em Turim, melhor resultado brasileiro em Jogos de Inverno, entre homens e mulheres.
- As mulheres brasileiras conquistaram suas primeiras medalhas olímpicas da história nos Jogos de Atlanta 96: ouro para Jacqueline Silva e Sandra Pires, prata para Mônica Rodrigues e Adriana Samuel, no vôlei de praia.
- A participação feminina brasileira foi destaque nos Jogos Olímpicos Pequim 2008. A judoca Ketleyn Quadros conquistou a primeira medalha individual feminina do Brasil. Poucos dias depois, Maurren Maggi conquistou, no salto em distância, a primeira medalha de ouro olímpica individual das mulheres. 
- Hoje o Brasil conta com 12 bicampeões olímpicos, sendo 6 mulheres, todas do vôlei, com as medalhas de ouro em Pequim 2008 e Londres 2012: Paula Pequeno, Jaqueline, Fabi, Thaissa, Sheila e Fabiana.
Atenciosamente,
Comunicação – Relações com a Imprensa
Christian Dawes / Daniel Varsano / Valter França / Claudia Fernandes
Tels: 21-2494.2085-
 imprensa@cob.org.br

Nenhum comentário: